Browse By

Category Archives: Reflexões

No Thumbnail

Por quem batem os sinos do Natal?

É um post antigo, mas a essência sempre atual. Por quem mesmo batem os sinos do Natal? Pela falsa caridade oportunista. Passa-se o ano todo em necessidade, e, próximo do Natal, alguém reúne comidas e roupas e doa aos que nada têm. É a redenção

A missão precisa de mais do que entusiasmo, diz Chris Wright

O teólogo irlandês Christopher Wright é considerado por muitos como o “sucessor” de John Stott. De fato, ele foi seu “braço direito” e atualmente é quem lidera a “Langham Partnership”, organização fundada por Stott. Chris, como é conhecido, esteve no Brasil em outubro e foi o preletor

Torre de Babel

A síndrome de Babel

Leiamos Salmos 137:1-4: 1 Às margens dos rios de Babilônia, nos assentávamos chorando, lembrando-nos de Sião. 2 Nos salgueiros daquela terra, pendurávamos, então, as nossas harpas, 3 porque aqueles que nos tinham deportado pediam-nos um cântico. Nossos opressores exigiam de nós um hino de alegria:

Mestres

Mestres: quantos há em sua congregação?

Um sinal da crise aguda que atravessa nossas igrejas é a falta de mestres. Antes de uma breve análise, devemos olhar para o que Bíblia, especialmente o Novo Testamento, diz sobre eles. O termo grego é: Lê-se, didaskalós, ou seja, o O como em veloz,

Línguas estranhas

Eram línguas de homens?

O assunto é: Línguas estranhas! Alguns fatos me motivam a escrever estas linhas. Em primeiro lugar, estivemos por longas semanas estudando a natureza e a deidade do Espírito Santo nas congregações que auxiliamos. Seus atributos e dons foram alvos de análise perante nossos irmãos. Cremos

Por que Maria não pode interceder por nós?

O assunto é recorrente, mas é necessário abordá-lo, buscando conscientizar biblicamente nossos interlocutores. Analisemos uma situação hipotética, esboçada na imagem abaixo (clique para ampliar): Os destinos poderiam ser quaisquer outros. Dois devotos, em lugares diferentes, distantes entre si por quase 3.000km, se ajoelham e rezam,

Dissecando um e-mail sobre o post anterior

Recebi um e-mail de um pastor assembleiano amigo. É um homem de larga experiência pastoral, tendo atuado em missões no Exterior. Ele sempre lê o blog, está entre os dez leitores. É, tenho poucos… não temo a insignificância… Como não me autoriza a publicação do

Tropas com a moral em baixa…

Moral da tropa é uma expressão de origem militar, para indicar o nível de ânimo de uma unidade em combate. Pode, perfeitamente, ser apropriada para indicar o ânimo de uma igreja em prol de determinado objetivo. Nos modernos cursos de auto-ajuda, os palestrantes utilizam as

%d blogueiros gostam disto: