Sem categoria

Há pessoas que nunca vão ressuscitar?


Quem levantou a deixa foi o amigo Pr. Manoel Paulino, da Igreja o Brasil Para Cristo, em Vitória de Santo Antão/PE. Lendo, entre outros textos, a promessa de Deus a Israel, em Êxodo 14:13-15 dá para pensar no assunto. E aí? O que acham da questão?

Sobre o autor | Website

Insira seu e-mail aqui e receba as atualizações do blog assim que lançadas!

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

4 Comentários

  1. Eliezer Lopes disse:

    Muito bom esse projeto. Assim permite que a comunidade carcerária tenha algo que fazer, além de se tornarem pessoas mais cultas e mais úteis para a sociedade quando saírem da prisão. Gostei muito desse blog. Vou acompanhá-lo de perto e desde de já deixo um convite para dar uma olhadinha no meu: eliezersaibatudo.blosgpot.com

  2. Penso que quando o texto de Exodo 14.13 Diz: “…porque ao egípicios que hoje vistes, nunca mais o vereis, para sempre” Ele está falando do livramento que o Senhor daria ao seu povo, uma vez que seriam afogados nas àguas, e não de ressurreição.

    Edinaldo Domingos
    Pastor da AD em Coronel João Pessoa-RN

  3. Penso que quando o texto de Exodo 14.13 Diz: “…porque ao egípicios que hoje vistes, nunca mais o vereis, para sempre” Ele está falando do livramento que o Senhor daria ao seu povo, uma vez que seriam afogados nas àguas, e não de ressurreição.

    Edinaldo Domingos
    Pastor da AD em Coronel João Pessoa-RN

  4. Caro Daladier Lima, quando na palavra diz que “nunca mais os tornará a ver”, não esta a se referir que os tais egípcios que os judeus naquele momento crucial viam não haveriam de ressuscitar no Juízo final para serem julgados e finalmente condenados eternamente.
    Mas creio, pelo entendimento que Deus me deu, que o tal texto esteja a se referir que os egípcios que naquele momento eles viam eles nunca mais os tornariam a ver em vida, pois haveriam de serem derrotados e mortos ali diante dos olhos deles, e nunca mais seriam vistos em vida.
    Portanto, esse é o meu entendimento sobre o texto.
    Se alguém pensar o contrário que prove biblicamente que estou errado.