O que é o selo do Espírito Santo? Quando é dado ao salvo?

O que é o selo do Espírito Santo? Quando é dado ao salvo? Estas e outras dúvidas a respeito são esclarecidas de modo resumido neste post!

arrabôn

Lê-se: arrabôn – penhor

sfragis

Lê-se: sfraguís – selo, garantia

O Espírito Santo é referido como o penhor, selo e garantia no coração dos cristãos (2 Co 1:22; 5:5, Ef 1:13-14; 4:30). Todas essas palavras denotam identificação de propriedade. Por vezes, o arrabôn era o penhor que provava o interesse de compra, a caução de garantia que é exigida hoje em algumas transações financeiras.

Quando temos esse selo em nós?

Este selo é dado no momento em que se cumpre João 14:23: ’’Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada’’. Portanto, este é o momento em que nossa filiação é confirmada.

É a mesma coisa que batismo no Espírito Santo?

Não pode ser confundido com o batismo com o Espírito Santo. Que é um revestimento posterior à aplicação desse penhor no crente. Leia Atos 19:1-6 e veja o caso de pessoas já salvas que receberam o batismo.

Finalizando…

A prova de que o Espírito Santo mora no crente é o fruto do Espírito (Gl 5:19-23): amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança.

Para mais conteúdos como esse inscreva-se no grupo Bíblia+EBD, que administramos no Facebook!

Sobre o autor | Website

Insira seu e-mail aqui e receba as atualizações do blog assim que lançadas!

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!