Sem categoria Daladier Lima

Um novo tempo pede novas ações!



Estamos auxiliando na formatação do projeto de um portal para nossa Convenção (COMADALPE). É algo de longo prazo e de grande envergadura. O site já existia há algum tempo, houve uma migração atendendo às necessidades cada vez mais crescentes. O portal já está no ar. É só o start, mas… Acesse, compartilhe, participe!

Conseguimos conscientizar nosso Pr. Presidente, Roberto José, que a audiência está na Internet. Não obstante os investimentos no rádio e na TV, é na web que ela cresce. Segundo dados do jornal O Globo, a audiência já é maior que na TV. Nas redes sociais estão nossos jovens, que hoje passam mais tempo no Facebook que na telinha. É um caminho sem volta. O projeto promete. Nosso maior desafio é mantê-lo atualizado. É o que atrai num site. Igrejas há que lançam portais e sites, mas não o atualizam. Nada feito.

Um pouco de história para entender a tendência


Pessoalmente fui contrário à compra de uma rádio por nossa Convenção, oferta feita tempos atrás (um ou dois anos) que acabou não se concretizando. Não manifestei tal contrariedade para não destoar de meus pares. Era algo em torno de dois milhões de reais, sem contar os investimentos necessários, a manutenção, folha, etc. A mesma oferta foi feita a uma outra Convenção, que aceitou. Nada contra, é só um registro que até já foi feito aqui. Já naquele tempo argumentei com as pessoas próximas a mim que a audiência das rádios na web estavam crescendo, por isso a compra não se justificava. Isto envolvia pensar na ínfima necessidade de investimento numa rádio virtual, em comparação à uma rádio física. Dadas as circunstâncias, arrisco dizer que tal investimento será um elefante branco em breve. Cada um gasta seu dinheiro como quiser…

A própria TV sofre com a influência da web. No Carnaval deste ano as grandes cervejarias amargaram um prejuízo milionário. Investiram na telinha enquanto os foliões estavam no Facebook, enviando flashes dos eventos. Nada de ficar na frente da caixinha quadrada. Adicione-se a isto o alto custo de produzir e manter um programa televisivo, que por pressão da grade só é assistido por uma pequena fatia do público. Feita a equação, o investimento financeiro num portal é irrelevante. E seu retorno infinitamente maior. O futuro está na convergência, isto é o que afirmam os gurus. Os lançamentos de aparelhos não deixam dúvidas.

Que outras igrejas possam aderir. Aliás, não estamos fazendo nada novo. É apenas um pequeno passo para um novo tempo.

Sobre o autor | Website

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário

  1. Matias Borba disse:

    Nobre amigo,
    a Paz!

    Vi o novo portal, e aprovei o que vi. Muito melhor que o anterior. Já efetuei meu cadastro.

    Agora, ainda sou a favor da compra de pelo menos uma rádio, FM ou AM para a convenção, pois mesmo com o crescimento da web, muitos ainda se valem de ouvir o pequeno rádio em casa, carro e ônibus. Eu pensaria bastante na ideia e tendo a possibilidade faria a adesão; até porque o que é gerado através dos patrocinadores pode sustentar tal investimento caso a administração seja responsável.

    Temos um exemplo, em parte, da CONADEPE, apesar de discordar de como algumas coisas caminham neste sentido por aqui…

    Mas enfim, está ótimo. Seu trabalho assim como dos irmãos envolvidos merece ota 10!

    Forte abraço e Deus abençoe!